Quatro passos para ser um Harry Potter

Quando um filme do tipo Harry Potter surge nos cinemas muitas pessoas assistem e se encantam por um mundo fictício onde haveria magia e poderes místicos que regeriam toda uma sociedade que seria um universo paralelo ao que vivemos.
Imagina-se como seria se tivéssemos poderes para fazer coisas levitarem, ou para atravessarmos paredes, para com uma simples varinha atirar coisas longe ou transformar gente em sapos, cachorros em dragões ou até paredes em portais.
Pois hoje vamos ensinar como se tornar um Harry Potter, Hermione ou se preferir um Voldemort. É muito fácil, se interessar, siga as instruções abaixo e logo poderá fazer um filme sobre você mesmo. (É DE SUMA IMPORTÂNCIA LER ATÉ O FINAL, NENHUM PROCEDIMENTO ABAIXO DEVE SER TOMADO SEM A SUPERVISÃO/APROVAÇÃO DE UM RESPONSÁVEL).

Primeiro passo: Não aceite nenhuma ordem de ninguém! É o primeiro ponto crucial para se tornar o melhor mago de todos os tempos. Se alguém disser, “faça isso”, o que se deve fazer? Exatamente o contrário. E se te mandarem fazer aquilo outro, a primeira coisa a fazer é tudo o que não seja pedido.
Segundo passo: Não respeite seus pais. Eles te amam, mas não precisam ditar a sua vida. Então tudo o que disserem diga que você não concorda e ponto. Tranque-se no seu quarto. Não saia do computador. Ignore todas as palavras deles enquanto você estiver fazendo o que você quer fazer.
Terceiro passo: Professores, chefes, pastores, líderes são apenas pessoas que querem quebrar o seu barato e tentar te afastar do que dá prazer e do que você gosta. Ou seja, do que serve obedecer? Você tem tudo o que precisa fazer na sua cabeça, e vai fazer melhor do seu jeito do que de outro modo, claro!
Quarto passo: Esse é o último passo e mais importante de todos. Rebele-se contra tudo e contra todos. Crie confusões se for preciso, mas deixe que todos saibam que você é único e tem todo o controle da sua vida em suas próprias mãos.
O que é? Não está acreditando que esses quatro passos te transformariam num mais perfeito bruxinho de Hollywood? Eu tenho a prova, e ela está na Palavra de Deus:

“Porque a rebelião é como o pecado de feitiçaria, e o porfiar é como iniquidade e idolatria. Porquanto tu rejeitaste a palavra do Senhor, ele também te rejeitou a ti, para que não sejas rei”. (I Sm 15:23)

É. Realmente forte essa passagem não? A versão NVI traz a seguinte tradução do primeiro trecho do versículo:

“Pois a REBELDIA é como o pecado da feitiçaria, e a ARROGÂNCIA como o mal da idolatria”.

Samuel, no momento que diz essa frase para Saul, estava exortando o então rei de Israel sobre sua desobediência, sobre a sua revolta contra a vontade de Deus. Ele acabara de dizer que era melhor obedecer que sacrificar e logo compara a atitude de Saul como a de um feiticeiro ou a um adorador de outros deuses.
A comparação sim é dura, mas nos mostra que esse tipo de coisa o Senhor não tolera, ele nos oferece sua benção sobre seus ensinamentos e diretrizes, mas nós, pelo contrário, tomamos um caminho de conflitos e discussões contra tudo o que vem confrontar nossas vontades.
E agora analise os passos dados acima, será que você não tem se enquadrado nessa descrição horrenda de feiticeiro e nem sabia? Será que não tem sido um idolatra todo esse tempo e achava apenas que estava impondo respeito com sua opinião?
Muitas vezes estamos sendo já um Harry Potter, ou um Voldemort, nem damos conta pois é tudo uma fantasia encobrindo um grande pecado e uma obra da carne condenada (Gl 5:20) ao longo de toda Palavra, e que entristece profundamente o coração de Deus.
Faça uma análise da sua vida, veja se não é hora de consertar isso tudo. E deixe de ser um mago, pois o destino desse tipo de prática não tem nada a ver com o fim de um filme bonitinho.
Contudo, nunca confunda a busca e luta por direitos justos e retos, com defender um ponto de vista unilateral, nem mesmo com o comodismo, para que o mundo seja um lugar melhor.
Que Deus nos ajude e nos livre de sermos homens e mulheres rebeldes, feiticeiros e idolatras.

Tenha uma ótima semana. Abraços!

               
fb.com/InfiltradosNoMundo                 @infiltradosINM

Deixe uma resposta